OS ESPANHÓIS, O FUTEBOL E O RUGBY

CONFESSO QUE NÃO É TODOS OS DIAS QUE ME SINTO RECOMPENSADO pelo sucesso dos nuetros hermanos, mas hoje, quando a Alemanha foi arrumada a um canto por uma equipa alegre, atacante e com personalidade, fiquei satisfeito, sim.

E senti-me recompensado porque depois de assistir a um campeonato do mundo medíocre, em que as únicas chamas vieram daqueles que menos responsabilidades tinham – Gana e África do Sul – e os grandes foram sucessivamenet caindo, primeiro os franceses, depois os ingleses, logo a seguir o Brasil, e por aí fora, só faltava mesmo a Alemanha sair da corrida, para que um ar fresco se instalasse e nos prometesse uma final jogada com o coração, com a habilidade e com a inteligência.

E estava eu neste remanso, pensando em continuar num clima de paz e satisfação, quando, subitamente, parei no site da Federação Espanhola de Rugby, com a mera intenção de verificar a lista dos jogadores que irão disputar o Europeu de Sevens em Moscovo.

E logo me foi saltando à frente dos olhos um documento que me deixou completamente em brasa!

E pior ainda, aquela irritação não foi pelo que estava a ver, mas sim pelo que não vi no site da Federação Portuguesa de Rugby.

Na verdade a FER deu-nos mais uma lição, que só espero que não se repita no campo, em Moscovo.

Dizia-me há poucos dias um dirigente federativo lusitano, no meio de evidente irritação por um artiço que escrevi sobre a forma como a nossa Seleção de Sevens está sendo (mal) tratada, que quem ganha os jogos são os jogadores e aos dirigentes só cabe proporcionar as melhores condições possíveis dentro dos condicionalismos existentes, e que a FPR não tinha dinheiro para uma melhor preparação da seleção em questão.

Ora acontece que isto, parecendo verdade, não é a verdade toda, passando dessa forma à categoria das inverdades.

Porque se existem coisas em que o dinheiro é essencial, outras há em que a imaginação, a vontade e a determinação, fazem muito mais.

O exemplo mais claro disto foi-nos dado agora pelos espanhóis, na apresentação das suas equipas para Moscovo de forma profissional, barata e eficaz.

Mas não vou deixar passar a oportunidade de acrescentar a seguinte questão:

Porquê não há dinheiro? Então tivemos uma eleição há seis meses, e quem tanto se esforçou para que as eleições fossem feitas rapidamente e – quanto a mim – de forma precipitada, e se candidatou, não assegurou antecipadamente a viabilidade financeira da sua candidatura?

Estavam esperando o quê? Encontrar um cofre cheio de dinheiro deixado pela direção anterior?

A  ser verdade que não existem meios financeiros para garantir o prosseguimento das actividades mais importantes da Federação, a candidatura de Amado da Silva não passou de um tiro no pé, fruto de uma agressividade fútil, destilada no Cantinho do Presidente, e que afinal nada de novo trouxe para o nosso rugby, até este momento.

Apenas a deficiente gestão dos assuntos correntes, que bem poderiam ter esperado até ao final da época sem alteração..

E quando o mesmo dirigente diz que eu tenho a mania de falar de tudo, do que sei e do que não sei, ou que em vez de criticar deveria candidatar-me nas próximas eleições, eu apenas direi que um pouco de humildade e de consideração pela opinião dos outros, só poderá fazer bem ao rugby português.

E que todos, todos mesmo, sem medo de represálias nem vergonha por se interessarem pelas coisas do rugby, tem direito a dar publicamente a sua opinião e a assinar por baixo.

Quanto a uma eventual candidatura à presidência, só um louco aceitaria candidatar-se sem as devidas garantias de obtenção de apoios financeiros, e, por outro lado, existem na nossa comunidade pelo menos meia dúzia de pessoas muito mais capazes do que eu para dirigir os destinos do nosso rugby, mas, infelizmente, nenhum deles faz parte da actual direção federativa.

Quanto aos espanhóis, razão da minha irritação, apresentaram as suas equipas com a elaboração de um documento que apenas custou umas horas de trabalho e dedicação.

Ele aqui fica para vosso conhecimento.

Veja aqui o documento completo.

VOLTAR A PÁGINA INICIAL

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: